Mostras abrem hoje 4ª Temporada de Exposições do Marco

Entrada franca

Com cinco mostras, será inaugurada nesta terça-feira (14), às 19h30, no Museu de Arte Contemporânea (Marco), a 4ª Temporada de Exposições 2010. “Narrativas Privadas” – pinturas do artista plástico de Brasília Fábio Baroli, “Nus”, instalação de Priscilla Pessoa, “Queime o Castelo!”, colagens e pinturas digitais de Maíra Espíndola e a coletiva “Aluga-se”, com artistas de São Paulo e Campo Grande.


Fábio Baroli apresenta em Narrativas Privadas a proposta individual de pintura com obras significativas, com pinceladas bem marcadas, possibilitando ao público uma relação íntima com o que é privativo.

Na instalação Nus, a campo-grandense Priscilla Pessoa faz um convite ao visitante para que escreva sua confissão mais íntima, aquela que o faz sentir-se nu, sem que precise sair do anonimato. Esses segredos serão escritos em papel adesivo e depositados em uma caixa lacrada para em seguida serem colados na parede, formando um grande painel com retratos íntimos da vida dessas pessoas.

Queime o Castelo! São colagens e pinturas digitais de Maíra Espíndola, procurando explorar a reconstrução dos mitos, fábulas e dos contos de fadas. Personagens e mosaicos de ensinamentos se misturam às vivências humanas na proposta de trabalho da artista.

Ainda nesta temporada o Marco apresenta a coletiva Aluga-se, com artistas de São Paulo – Adriana da Conceição, Evandro Prado (campo-grandense residindo na capital paulista), Ana Zveibil, Rosilene Fontes, Bettina Vaz Guimarães, Fabiano Soares, Giba Gomes, Lia Wurzmann, Mai-Britt Wolthers, Renata Cruz, Roberto Fabra, Mirian de Los Angeles, Yara Dewachter e os artistas de Campo Grande Nilvana Mujica e Mauro Yanase.

O nome da coletiva veio da primeira exposição em uma casa, característica dos anos 50, que estava para alugar. O grupo lá se instalou, durante seis meses, planejando, reformando a casa e montando a exposição.

Serviço: A quarta temporada estará aberta à visitação de terça a sexta das 12h às 18h. Sábado, domingo e feriado, das 14h às 18h. O Museu de Arte Contemporânea fica na Rua Antônio Maria Coelho, nº 6000, no Parque das Nações Indígenas


Marcio Rodrigues Breda
14 de dezembro de 2010
Campo Grande News (www.campograndenews.com.br)